Tintin por Spielberg


Tintin (no Brasil: Tintim) e seus amigos foram os primeiros personagens humanos dos quadrinhos a colocarem os pés na Lua. É o que nos informa o Jornal da ABI – Cronologia dos Quadrinhos 2 recentemente lançado (e que pode ser adquirido na Livraria da Travessa). Isso aconteceu em 1953 e antecipou a façanha de Neil Armstrong em 16 anos. Mas o famoso personagem criado por Hergé tem agora outra honroza primazia: ser o primeiro desenho animado dirigido por Steven Spielberg, o grande diretor de cinema que já nos presenteou com tantas pérolas cinematográficas. A produção será lançada em dezembro de 2011 nos Estados Unidos com o título de The Adventures of Tintin: The Secret of the Unicorn. Imagino que no Brasil a produtora mantenha o nome original do álbum, As Aventuras de Tintim: O Segredo do Licorne. O filme é uma adaptação de três álbuns do personagem: O Caranguejo das Pinças de Ouro, onde Tintin conhece seu amigo, o o Capitão Haddock; O Segredo do Licorne (claro) e O Tesouro de Rackham, o Terrível.

Não é a primeira vez que Spielberg se envolve com desenhos animados. Ele foi o produtor de Fievel, Um ContoAmericano nos cinemas e de séries para a tv muito conceituadas como Pink & Cérebro, Freakazoid! e Animaniacs, entre outras. E agora finaliza o primeiro filme da trilogia sobre Tintin, projeto que desenvolve ao lado de outro grande diretor, Peter Jackson, de O Senhor dos Anéis. Como já publiquei aqui, o próximo deverá ser dirigido por Jackson.

A editora que detém os direitos de publicação das aventuras de Tintin no Brasil, a Companhia das Letras, já lançou todos os ábuns da série, incluindo o primeiríssimo (e bem fraquinho) Tintim no País dos Sovietes que jamais havia sido publicado no Brasil e serve como curiosidade histórica para os fãs da série e amantes dos quadrinhos. Outro álbum que serve de curiosidade é Tintim e a Alfa-Arte que traz os croquis que Hergé desenvolvia para uma nova aventura com seu personagem. Morto em 1983, o celebrado desenhista não pôde concluir a última aventura de Tintin.

Os desenhos que ilustram este texto foram extraídos das capas dos álbuns Explorando a Lua, Vôo 714 para Sydney, Tintim e os Pícaros e Os Charutos do Faraó e podem ser ampliados em boa resolução e até ser usados como papel de parede em seu computador.

3 comentários sobre “Tintin por Spielberg

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s